sexta-feira, 29 de junho de 2012

Respire fundo... E aumente seu espaço interno!!

Hoje vamos falar um pouco sobre a respiração. Claro que todos sabem a importância dela, afinal, sem respirar morremos em poucos minutos... Mas não estou aqui para falar de pulmões, diafragmas ou sobre quanto tempo podemos passar sem respirar. Vou falar da importância da respiração enquanto algo que pode nos ajudar a viver de forma mais harmoniosa.

Sabia que exercícios de respiração são muito usados em técnicas de controle do estresse? E que são os efeitos da respiração que podem nos ajudar a chegar a graus profundos de relaxamento? A respiração oxigena nosso cérebro, permitindo que ele trabalhe melhor. Como se lhe desse um novo fôlego (literalmente!).

Já parou para pensar em todas as expressões de linguagem que dizemos o tempo todo e que envolvem a respiração? Quando nos sentimos criativos, dizemos que estamos inspirados. Quando algo surpreendente acontece, perdemos o fôlego. Quando estamos muito entediados ou desanimados, costumamos dizer que precisamos respirar novos ares. Quando estamos distraídos, estamos aéreos... Gosto de pensar nas expressões que usamos, porque elas nos mostram de um jeito quase artístico aquilo que sentimos.

Como aproveitar os benefícios que os exercícios de respiração podem nos trazer? Muito simples! Basta respirar pelo nariz de maneira lenta e profunda, o mais fundo que você conseguir... e então soltar o ar pela boca. Ouça os sons da sua respiração e permita-se relaxar os músculos do seu corpo enquanto deixa o ar sair. Uma sequência de três respirações lentas e profundas costuma ser o bastante para nos ajudar a relaxar e nos permitir pensar com mais clareza. Pausas para respirar profundamente durante uma tarefa que requer muita atenção e concentração costumam ser bastante produtivas!

Além disso, o ato de respirar é uma forma de trazer para dentro de nós aquilo que está fora. O que buscamos ao respirar? Paciência? Poder de concentração? Coragem? Segurança? Nesse sentido, respirar não deixa de ser uma forma de comunicação com o meio em que estamos (e de permitir que ele se comunique conosco).

Quero fazer um convite aos meus leitores. Estejam atentos às suas respirações. Como elas são? Rápidas e curtas? Ou longas e profundas? Sente algum tipo de desconforto ao respirar? Tem asma ou algum tipo de problema respiratório? Ronca? Respira pelo nariz ou pela boca? Seus sintomas podem dizer muito sobre você.

Respire fundo e sinta quanto espaço existe aí dentro de você. E muitas vezes, perceber quanto espaço temos por dentro nos ajuda a nos sentir mais seguros, criativos, em contato com a gente mesmo... Respire fundo e aumente o seu espaço interno!

Um comentário:

  1. Nunca pensei sobre todas essas expressões que utilizamos que envolvem a respiração, realmente muito interessante! Vou utilizar a dica!

    ResponderExcluir