sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Ágora - saudade de onde nunca estive

O que explica muitas pessoas, inclusive eu, sentirem saudades de lugares que nunca visitaram e situações que nunca vivenciaram?; há até uma canção do Renato Russo que fala à respeito. 
Desde já desejo-lhe felizes Natal e Ano-Novo.
Érico


Boa tarde, Érico!

Na forma como eu entendo, essa "saudade" poderia ser um tipo de déjà vu, expressão francesa que significa "já visto" e que é usada para descrever aquela sensação de que já conhecemos algo ou alguém, de que já estivemos em certo local ou mesmo uma saudade ou nostalgia de algo que nunca se passou.

Nosso cérebro organiza nossas memórias em duas categorias: a imediata, por exemplo de algo que acabou de se passar, do filme que acabamos de ver ou de uma conversa que tivemos há pouco; e a memória de longo prazo, que nos traz lembranças mais antigas, de meses ou mesmo de muitos anos atrás. Para uma lembrança ser armazenada na memória de longo prazo, ela precisa ser significativa para nós e, antes, precisa passar pela memória de curto prazo. Conforme o tempo passa e reforçamos uma lembrança especial, ela se "firma" na nossa memória de longo prazo. Acontece que, vez ou outra, nosso cérebro falha no processo e nossa lembrança vai direto para a memória de longo prazo, deixando essa lacuna, essa sensação estranha...

No caso da sua pergunta, é interessante considerar que aquilo que nunca foi vivido pode ter sido sonhado, visto em filmes e livros, por exemplo e, ao passar diretamente para a memória de longo prazo, criam o sentimento de saudade e mesmo um interesse maior por certos temas. Tenho um amigo fascinado pelo Egito, ele adora filmes, documentários e livros sobre o tema, mas nunca esteve lá. Diz sentir saudade de lá, como se fosse um lugar em que já houvesse morado. Quando conversamos sobre isso, ele diz que desde muito novinho tem esse interesse. Talvez essa falha de memória (que é comum de acontecer e não indica maiores problemas) possa ter acontecido no início de todo esse interesse, fazendo com que a "saudade" aumente mais a cada filme assistido ou livro lido...

Espero ter contribuído para a discussão.
Boas festas para você também!
Bia 


Para participar da coluna Ágora, envie a sua pergunta para o email bf.carunchio@gmail.com, você também pode participar enviando sua pergunta através da nossa página no Facebook ou do meu perfil pessoal.  Você tem a opção de se identificar ou de se manter como anônimo.


3 comentários: